Esse artigo foi impresso originalmente de:
http://www.escolaveterinaria.com/2012/08/a-valorizacao-profissional-na-medicina.html

A valorização profissional na Medicina Veterinária (parte 1)

Valorizao profissional na Medicina Veterinria - parte 1 Quantas vezes você já ouviu alguém falar a respeito, ou ainda, participou de algum evento sobre o tema valorização profissional? Apesar de sempre bem lembrada, aos olhos da maioria dos profissionais ela parece cada vez mais distante, quase inatingível. Nessa série de artigos discutiremos os caminhos a serem percorridos para a tão sonhada valorização profissional na Medicina Veterinária e suas tendências atuais.

O desafio da valorização profissional

O maior desafio de se alcançar a valorização profissional reside no prefixo inicial da palavra: “valor”. Não haveria problema se esse “valor” fosse inicialmente encarado como crescimento e ampliação da sabedoria profissional e, não, simplesmente relacionado ao que se recebe financeiramente. O “X” da questão é justamente a inversão desses valores!

Os profissionais visualizam a valorização profissional como um aumento nos ganhos financeiros para que então possam melhorar seus conhecimentos e prestação de serviços quando, na verdade, é justamente o contrário. Ênio Padilha já versou sobre esse assunto:

Infelizmente, para a maioria das pessoas, valorização significa ‘ganhar mais’. Ter mais ‘valor’ significa ‘valer mais (em dinheiro)’. É o famoso ‘ter’ e ‘parecer’ sobrepujando o ‘ser’ e o ‘saber’. Isso significa transformar conseqüência em objetivo. O meio em fim.

Esse é o entendimento básico para falarmos em valorização profissional, onde os profissionais devem enxergar a melhoria na renumeração como uma conseqüência natural do processo de aprimoramento (técnico e pessoal).

Um médico veterinário que ganha bem não é, necessariamente, um profissional valorizado. Entretanto, quando se é reconhecido e renomado em sua área de atuação, o aumento nos honorários é uma conseqüência desse processo de crescimento.

Não precisamos nem comentar que a valorização profissional será resultado de muita dedicação, trabalho e esforço pessoal, afinal de contas, ela não cai do céu.

Na segunda parte desse artigo falaremos sobre a regra dos 3Rs, fundamental para a conquista da valorização profissional. Não deixem de ler!

Até lá, veja outros artigos interessantes:

 

Se gostaram da postagem, compartilhem com seus amigos. Não se esqueçam de seguir o Escola Veterinária nas redes sociais. Tire suas dúvidas e comente o artigo porque a interação aumenta nosso aprendizado!

 

Outros artigos dessa série

Postar um comentário

Seja participativo! Comente suas opiniões e tire suas dúvidas!

Livros Veterinários


Técnicas Cirúrgicas em Grandes Animais

Cursos Veterinários


CURSO ONLINE DE HEMOPARASITOSES EM MEDICINA VETERINÁRIA